Como emitir o extrato do PIS

Assim como todos os anos, o PIS 2019 é divulgado pelo Governo Federal através de uma parceria com a Caixa Econômica. É pela tabela do PIS, que os beneficiários saberão quando poderão receber o abono. A tabela do PIS 2019 é definida através do mês do seu nascimento, ou seja, no mês que você nasceu é quando você receberá esse valor, não é necessariamente na mesma data, pois muita gente chega a confundir isso.

Mesmo sendo muito importante, muitas pessoas ainda não sabem o que é ou para que serve o PIS, mesmo quando sabem, algumas ainda possuem dúvidas. O Programa de Integração Social ou PIS, como é conhecido, foi criado em 1970 pelo Governo Federal, tendo como objetivo ajudar a distribuir a renda.

O PIS é atribuído para as pessoas que possuem a carteira assinada e ele nada mais é que uma contribuição paga pelas empresas para os seus funcionários que possuem contrato através do regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), dessa forma é garantida alguns direitos como FGTS, seguro desemprego, participação nos lucros da empresa, etc.

Quem tem direito ao PIS?

Para receber o PIS 2019 ou o Abono Salarial existem alguns pré-requisitos já estabelecidos, vamos conhece-los:
Para receber esse direito o trabalhador precisa ter cadastro no PIS a pelo menos 5 anos, ou seja, precisa ter 5 anos que a carteira foi assinada pela primeira vez. Não é obrigado ter trabalhado 5 anos seguidos;

O PIS 2019 só é pago para os trabalhadores que a média salarial não passa de 2 salários mínimos por mês;
No ano base considerado para apuração, é preciso que o trabalhador tenha tido a carteira assinada por uma pessoa jurídica por pelo menos 30 dias, pis 2020.

A empresa em que o funcionário prestou serviços precisa ter enviado um relatório, comunicando que o empregado estar na folha de pagamento para o Ministério do Trabalho. Toda empresa regularizada precisa fazer esse envio.

Para que serve e como visualizar a tabela do PIS?

Como já foi dito, o PIS 2019 serve para financiar o pagamento do seguro desemprego, participação nas receitas das empresas e o abono, sendo então é uma contribuição tributaria, feitas pelas empresas. Para receber o pagamento do PIS 2019 é preciso estar atento ao calendário, pois é através dele que é possível ver a data correta do recebimento, que tende a ser no mês do aniversário.

A tabela do PIS é divulgada geralmente no mês de Maio de cada ano, nela é possível ver as datas dos pagamentos que serão realizadas durante o ano todo e geralmente no mês de aniversário do beneficiário.
É possível visualizar a tabela do PIS através do site da caixa, bastando apenas clicar aqui.

Depois é só separar algum documento com foto, como RG ou Carteira de Habilitação e se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal. Quem possui o cartão cidadão consegue realizar o saque do pagamento do PIS 2019 através dos caixas eletrônicos.

Como consultar o saldo do PIS?

Para consultar o saldo do PIS 2019 o trabalhador deve se dirigir a uma agência da Caixa ou Casas Lotéricas mais próxima com o cartão cidadão, caso tenha, e um documento com foto. As pessoas que possuem uma conta individual na Caixa recebem o pagamento diretamente nela, caso o saldo dessa conta esteja acima de R$ 1,00.

Se tiver valor disponível o beneficiário já pode sacar no momento da consulta e caso prefira pode até transferir o valor para uma agência sua, caso seja correntista da Caixa. Quem deseja mais comodidade pode consultar o saldo pelo site do banco, clicando aqui, pois essa é a maneira mais rápido e pratica de realizar a consulta do PIS 2019.

É preciso apenas ter em mãos o número do NIS (Número de Integração Social), que fica presente tanto na carteira de trabalho quanto no cartão cidadão. Ao acessar será pedido também uma senha da internet, caso você não possua por ser seu primeiro acesso, basta apenas clicar no botão para “cadastrar a senha”.